Eugénio Costa Almeida

 2018 África Colonial no Centenário da Guerra de 1914 1918 capa e contracapa

África Colonial no Centenário da Guerra de 1914-1918: Angola e Moçambique, os casos em análise

73 páginas

Nesta monografia, sobre o Centenário da Grande Guerra de 1914-1918 está a ser abordada a participação dos soldados africanos neste grande conflito Mundial, e como isso contribuiu para a redefinição das fronteiras africanas após o armistício, bem como, a consciencialização política dos africanos para a afirmação da sua cultura e identidades políticas e sociais no desenvolvimento das linhas pragmáticas que conduziram, mais tarde, às independências coloniais (autor)

De uma forma geral e desde sempre os africanos foram (em alguns casos continuam a ser) instrumentos descartáveis nas mãos dos colonizadores. Ontem uns, hoje outros. Entre escravos, carne para canhão e voluntários devidamente amarrados, foram um pouco de tudo. Muitas vezes foram tudo ao mesmo tempo. Na I Guerra Mundial, como eximiamente aqui explica o Eugénio Costa Almeida, deram (pudera!) o corpo às balas, a alma ao Diabo e a dignidade às valas comuns (Orlando Castro, autor do Prefácio)

Editado pela Novas Edições Acadêmicas, Beau Bassi (Msuritius), 8 de Maio de 2015): https://my.nea-edicoes.com/catalogue/details/pt/978-620-2-18177-8/%C3%A1frica-colonial-no-centen%C3%A1rio-da-guerra-de-1914-1918?search=Eug%C3%A9nio%20da%20Costa%20Almeida
podem comprar pela editora (via MoreBooks): https://www.morebooks.shop/store/gb/book/%C3%A1frica-colonial-no-centen%C3%A1rio-da-guerra-de-1914-1918/isbn/978-620-2-18177-8
ou na Amazon.es: https://www.amazon.es/%C3%81frica-Colonial-Centen%C3%A1rio-Guerra-1914-1918/dp/620218177X/ref=sr_1_1?__mk_es_ES=%C3%85M%C3%85%C5%BD%C3%95%C3%91&dchild=1&keywords=eug%C3%A9nio+da+costa+almeida&qid=1591119153&s=books&sr=1-1

Partilhe este artigo
Pin It

Escreva-me

Pesquise no site